quarta-feira, fevereiro 16

 

Primeiras páginas do século passado [17]

.
Assim ia o país no dia 4 de Março de 2000, um dia ainda marcado pelo congresso de Viseu do então PSD. Sustenta o Expresso: «O PSD já passou por muitas vicissitudes, mas nunca um seu líder desiludiu tanto em tão pouco tempo como Durão Barroso. O Congresso de Viseu foi, para quem ainda tinha dúvidas ou escrúpulos em admiti-lo, a prova dos nove de que não tem estatura para o cargo que desempenha. Um mortificado e insuspeito social-democrata, Alípio Dias, dizia esta semana que «as intervenções feitas por Durão Barroso não foram felizes, não foram de um grande senhor ou de um grande líder». É o mínimo que, com generosa caridade cristã, se pode dizer da inacreditável prestação de Durão Barroso ao longo das 48 horas de Viseu. Porque o líder do PSD deu abundantes exemplos de imaturidade e inconsequência política, de irresponsabilidade partidária e de instabilidade emocional

Uma fonte próxima de Durão Barroso – e vamos agora tendo algum conhecimento de que algumas fontes são lebres que se lançam para desimpedir o caminho – assegura no entanto que Durão Barroso não abandonará a liderança do partido e que «só será derrotado pelo voto». De resto, a fonte que vimos a citar salientou a capacidade do líder «para aguentar», adiantava o Expresso.

Em todo o caso, é o momento alto do congresso de Viseu que continua a agitar os meios da São Caetano à Lapa. Com efeito, a tal fonte próxima do líder do PSD garante que «Durão Barroso não pediu nem pede desculpa a Santana Lopes», a propósito de um episódio ocorrido no Congresso de Viseu, em que Barroso considerou Santana um misto de Zandinga e Gabriel Alves. É o que ficará para a história do congresso de Viseu.

Comments:
Nas últimas autárquicas, Santana também afirmou, no seu discurso de vitória, que não se esquecia que tinha vencido sem o apoio do CDS e por muitos anos que vivesse politicamente não se esqueceria desse facto... E quem os vê...

É só recuperar as notícias desse mesmo século e confirmar...
 
Caro TA:

Ainda estamos no século passado... Havemos de lá chegar!

Obrigado pela «dica».

pulga
 
Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?