segunda-feira, fevereiro 7

 

Primeiras páginas do século passado [11]


Assim ia o país no dia 13 de Maio de 2000. «Papa a caminho da resignação», noticia em manchete o Expresso. Com efeito, João Paulo II terá escrito, antes de iniciar a sua visita a Portugal, uma carta, na qual assume a renúncia no caso de ser acometido por uma doença que o incapacite mentalmente. Esta decisão surge associada à consciência de João Paulo II sobre a sua crescente debilidade física, dado o avanço evidente da doença de Parkinson, diagnosticada no início dos anos 90. Ninguém poderia imaginar que a forma desumana como o Papa é forçado a aparecer em público pudesse perdurar, passados que são quase cinco anos sobre esta visita a Fátima.

Entretanto, Pedro Ferraz da Costa, o «patrão dos patrões», considera que Durão Barroso e a falta de oposição são o verdadeiro seguro de vida do Governo do PS. Coincidência ou não, Marcelo Rebelo de Sousa vai iniciar, já amanhã, 14 de Maio, uma colaboração regular na TVI, regressando ao comentário político e à análise dos principais acontecimentos da semana. Sem contraditório, como seria desvendado uns anos mais tarde.

Comments:
É de facto uma selvajaria aquilo que o Vaticano faz com o Sumo Pontífice.
 
A SIC fez um inquérito via-telefone através dos Jornais da Noite para saber, segundo os telespectadores, quem tinha vencido o debate Sócrates-Santana na 2/SIC. As pessoas ligaram e votaram no respectivo favorito. Foram milhares de chamadas para que, no final do Jornal da Noite, o pivot anunciasse «segundo os nossos telespectadores o vencedor do debate foi Sócrates/Santana...». A SIC recebeu milhares de chamadas a votarem nos dois candidatos a PM. A Malta soube que foram feitas 4.600 chamadas de um único número de telefone. Adivinhem de onde era esse número...
http://maltadarua.blog-city.com/
 
muito penoso assistir 'as aparicoes do papa jp2
 
Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?