sexta-feira, janeiro 28

 

«Isto não foi real, pois não?» Foi…


LN, um benfiquista a quem os benfiquistas muito devem [lembram-se das trapalhadas de Vale e Azevedo, que até envolveram a entrega de um cheque sem cobertura para pagar dívidas fiscais, tendo o fisco aguardado pacientemente que a conta fosse provisionada?], coloca duas questões aparentemente metafísicas:

Não querendo apressadamente concluir que o que sai do computador do causa nossa não é real, ajudemos LN a aprender a distinguir a realidade da ficção. Na verdade, estiveram «dentro das quatro linhas» seres humanos (de carne e osso) que correram e jogaram que se fartaram. Mais de um lado do que do outro. As situações que parece terem sido «produzidas por computador» foram dois livres mal assinalados, de que resultaram, por acaso, os dois primeiros golos do Benfica; aquele golpe de kung fu de Bruno Aguiar sobre Liedson também parece ter sido concebido com o apoio do CAD; e ainda a violentíssima agressão àquele miúdo que fez as vezes de defesa direito tem, sem dúvida, a precisão de uma máquina (um computador?).

O árbitro foi António Costa, que, salvo erro, há dias não validou um «golo limpo» ao Benfica no jogo com o Porto. As contas estão saldadas – o resto é conversa.

Comments:
E o "fora de jogo" no golo do Liedson deve ter sido um erro de quem ? Se calhar era um virus informático....
 
O Jorge Coroado explicou a razão pela qual o golo do Liedson foi legal. A Liga e a Federação deviam publicitar as regras do futebol. Há muita gente que precisa de aprendê-las...
 
O Coroado também explicou porque é que o Miguel Garcia, depois de ter tentado arrancar a cabeça do Manuel dos Santos a pontapé, continuou em campo? Deviam publicitar essa regra, juntamente com a que permitiu que o primeiro golo do Sporting fosse marcado através de livre que puniu falta inexistente.
 
Calma. Eu só me estava a referir ao golo do Liedson.

Poderíamos falar relativamente à expulsão do Hugo Viana (mal expulso) e à não expulsão do Bruno Aguiar (devia ter sido expulso).

Também dizem que os dois primeiros golos do Benfica resultaram de livres mal assinalados.

Já agora quem é o Manuel dos Santos?
 
O Benfica e' um aristocrata falido.
 
Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?